ENEAGRAMA, o perigo da banalização.

O Eneagrama da Personalidade é uma ferramenta assertiva e profunda que está sendo cada vez mais abordada e comentada na Internet.


Cursos, palestras e lives aos montes, aproveitando a pandemia, a qual, praticamente, exige que a audiência tenha mais com o que se entreter e obriga os produtores a gerarem cada vez mais conteúdo para chamar a atenção.


Eu diria que chegou a hora do Eneagrama se tornar mais conhecido. Tanto melhor!

Mas eu fico apreensivo quando vejo algumas aberrações.

Por exemplo: já vi gente "fazendo" e vendendo o "Eneagrama" como se fosse um mapa astral ou horóscopo.


Já vi gente credenciando pessoas como profissionais de Eneagrama, sabe-se lá com quais condições para tanto e com qual autoridade, aliás, essa "autoridade" sequer existe de forma institucionalizada.


Já vi gente ensinando as pessoas a serem professores do Eneagrama, sem qualquer experiência pessoal no uso cotidiano do Eneagrama. É como ensinar a andar de bicicleta sem nunca ter andado numa.


Considerando que o Eneagrama da Personalidade é uma experiência pessoal, esses métodos para "vendê-lo" não contribuem para a sua credibilidade. Muito pelo contrário, só depõem contra a ferramenta e contra as pessoas que o levam a sério, seja ensinando, seja repercutindo seus benefícios.


Nesse estado de coisas, temo que o Eneagrama tenda a ser banalizado e repita a trajetória do Coaching, fato este que alertei há mais de 10 anos numa entrevista (o vídeo está em meu canal do Youtube) quando percebi o estabelecimento de uma indústria de certificação de coaches no Brasil. Hoje, como bem sabemos, o Coaching é altamente questionado e até alvo de piadas para muita gente, porque, afinal, todo mundo é coach.


Por outro lado, é óbvio, quanto mais se falar do Eneagrama melhor para as pessoas, porque se trata de aumento do autoconhecimento e de transformação pessoal, algo tão carente num mundo que está muito acelerado, tornando tudo cada vez mais superficial e valorizado apenas por resultados materiais.


A propósito, não tenho nada contra os resultados materiais, porém as pessoas ao invés de encontrarem o equilíbrio, elas tendem a optar pelo ganho material em detrimento ao emocional, e a consequência inevitavelmente virá.


É aí que entra o Eneagrama, para ajudá-las a alcançarem o equilíbrio.


Em outras palavras, o Eneagrama da Personalidade é fantástico na medida em que o experimentamos adequadamente como sendo um processo de aumento de nosso autoconhecimento e consequente transformação.


Como se costuma dizer, você pode usar um martelo para construir algo ou rachar um crânio, tudo depende de como você usa a ferramenta. Não é diferente com o Eneagrama da Personalidade, você pode usá-lo como algo muito importante na sua vida a ponto de promover uma transformação pessoal, assim como criar uma desastrosa experiência por usar inadequadamente um conhecimento extraordinário.


Particularmente, eu sigo dizendo que o Eneagrama é para todos, porque é para os seres humanos, mas não é para qualquer um, porque exige seriedade e responsabilidade na sua utilização.


Hoje eu ampliaria essa ideia afirmando que: "para quem o ensina, a seriedade e a responsabilidade é cada vez maior".


Por isso, eu sugiro que antes de você dar um passo na direção do Eneagrama da Personalidade, pesquise e se informe o quanto puder para não cair nas redes da vulgaridade com que muitos estão tratando esta ferramenta fantástica.


Aliás, se ela não fosse, não teria atualmente a divulgação que tem.


Seja bem-vindo!


Para aprender o Eneagrama clique aqui

#ego #Eneagrama #Personalidade #Autoconhecimento #Relacionamento #autoconsciência