Sou alguém previsível?

Updated: Oct 4, 2018


Quantas vezes você já se perguntou: “Por que as coisas se repetem em minha vida?". É uma pergunta comum que muita gente se faz.


Eu já citei isto em outro artigo, mas reitero que não são as coisas que se repetem, é você que se repete. E esse ciclo é fruto da sua personalidade. Em outras palavras, não há qualquer coincidência nessa repetição.

Todos sabemos que a personalidade não nasceu conosco. Nós a construímos ao longo de nossa vida, tendo como raízes de seu desenvolvimento os primeiros 7 ou 8 anos de idade. A personalidade é o resultado de todas aquelas características que definem a nossa identidade.

São todos aqueles comportamentos aprendidos na educação que recebemos, nas crenças que desenvolvemos, nos medos, atitudes, ações, sentimentos e lembranças. A personalidade é uma estratégia inconsciente de nos protegermos e de nos defendermos para não sermos feridos. Basicamente, ela é um sistema de defesa para enfrentar o mundo.

Por ser um sistema, ela nos imprime um padrão. Uma forma de ser. É por conta disso que nos "repetimos" na vida. Por obedecer a esse padrão.

Esse é o gancho para falar sobre o Eneagrama.


O termo Eneagrama vem das palavras gregas ennea (nove) e grama (uma figura desenhada) e se refere à uma figura geométrica de nove lados, a qual forma a base para o sistema de personalidade do Eneagrama. Estima-se que essa figura tenha aproximadamente 4.500 anos e ninguém sabe ao certo como surgiu.

Na era moderna, o fato mais relevante foi registrado por um filósofo armênio de nome George Gurdjieff, o qual apresentou essa figura na Universidade de Moscou para seus alunos em 1920. Ele dizia que o Eneagrama representava a máquina humana e que a figura refletia todas as possibilidades do homem. Entre as décadas de 50 e 70, filósofos, psicólogos, psicanalistas e até antropólogos, estudaram a fusão entre essa figura geométrica e a Psicologia moderna, tendo como resultado surpreendente os nove padrões do comportamento humano refletidos na figura.

O interessante é que esse estudo e conhecimento era exclusivamente transmitido de forma oral entre os pesquisadores, até surgirem os primeiros livros na década de 80.

E o que é o Eneagrama? O Eneagrama é um mapa do comportamento humano. Ele baseia-se em nove tipos de personalidade, os quais revelam como a mente funciona e nos permite ver e entender por que pensamos, sentimos e agimos de uma forma prevísivel por conta de um padrão.

Em linhas gerais, o Eneagrama é um mapa não apenas de tipos de personalidade, mas um guia que aponta o caminho em direção ao que está além da personalidade, isto é, nossas virtudes e potenciais inatos os quais, muitos deles, foram suprimidos ou adormecidos pelo desenvolvimento de nosso sistema de defesa.

Mas o que nos importa mesmo é se o Eneagrama pode nos ajudar a percebermos o nosso padrão e, tão útil quanto essa descoberta pessoal, o padrão das outras pessoas. E isso ele faz com muita precisão.

Segundo o Eneagrama, cada um de nós tem um tipo dominante de personalidade e jamais deixará de tê-lo, e para você ter uma ideia do que o sistema apresenta vou caracterizar brevemente esses nove tipos.

Esses tipos são numerados de 1 à 9 e estão agrupados de 3 em 3 porque são distribuídos em três centros de inteligência: a Emoção, a Mente e o Instinto.


Dentre os tipos emocionais, o tipo 2 caracteriza-se com aquele presta ajuda, é amoroso e possessivo, o tipo 3 caracteriza-se como aquele que é ambicioso, pragmático e muito ligado à sua imagem, e o tipo 4 caracteriza-se como aquele que é sensitivo, auto-absorvido e depressivo.

Dentre os tipos mentais, o tipo 5 caracteriza-se como aquele que é perceptivo, culto e cerebral, o tipo 6 caracteriza-se como aquele que é leal, comprometido e desconfiado, o tipo 7 caracteriza-se como aquele que é otimista, divertido e superficial.

Dentre os tipos instintivos, o tipo 8 caracteriza-se como aquele que é autoconfiante, assertivo e desafiador, o tipo 9 caracteriza-se como aquele que é complacente, agradável e negligente consigo mesmo, e o tipo 1 caracteriza-se como aquele que é idealista, organizado e crítico.

Obviamente, não há rigidez nesses padrões e ao estudar o Eneagrama você entenderá que ele é aberto e extraordinariamente fluido, como é a própria natureza humana. Mas as tendências a esses padrões descritas em cada tipo você poderá perfeitamente comprovar no seu dia a dia observando as pessoas.

De acordo com o Eneagrama, cada tipo tem um dom natural - uma força - que brota de sua visão de mundo interna. No entanto, essa força pode ser distorcida pela formação de nossa personalidade a ponto de se tornar nossa maior responsabilidade ou fraqueza. Essa distorção acaba por influenciar nossa visão do mundo e tende a dirigir a nossa vida.

Um dos mecanismos mais interessantes no Eneagrama é que ele nos mostra como flutuamos dentro da figura, isto é, a partir de nosso tipo dominante de personalidade nós podemos absorver características de outros tipos através das conexões (pontos e linhas) dependendo se em nossa vida estamos passando por um período considerado seguro ou de estresse. Em outras palavras, o Eneagrama é dinâmico, tal como é cada ser humano, e ele reflete a previsibilidade de nossos movimentos a partir de nosso tipo dominante e de nosso estado emocional.

O fato é que o Eneagrama nos ajuda a conhecer mais a nós mesmos, sobretudo o que está encoberto por nossas máscaras, os nosso pontos cegos e nossos hábitos emocionais.

Quando conhecemos nosso tipo dominante - nosso modo habitual de ser - descobrimos que temos mais opções para responder a um problema ou à uma situação, pois a personalidade não mais nos encarcera ou controla, e permite-nos pensar e agir de forma menos automática. Além disso, conhecer o Eneagrama nos permite também entender e nos relacionar muito melhor com os outros.

Enfim, quando você estuda e compreende o mecanismo do Eneagrama ele desperta um certo fascínio, por isso é muito comum nos perguntarmos:

"Como é possível um sistema baseado numa estrela de nove pontas refletir tão inteligente e sabiamente os padrões do comportamento humano?"

Bem, essa resposta que muitos obtiveram com sucesso advém do estudo e da utilização do Eneagrama no dia a dia. E para quem ainda não o conhece, a única forma de comprovação é permitindo que o Eneagrama faça parte de sua vida. ✔

Se quiser aprender o Eneagrama, clique aqui


#ego #Eneagrama #InteligênciaEmocional #Relacionamento #Crescimentopessoal #Autoconhecimento #autoconsciência #Sombra